JÚPITER_LOGO

Desospitalização

O que é: 

A desospitalização, também conhecida como home care, nada mais é do que o processo de alta hospitalar de um paciente para finalização do tratamento em casa, evitando um período mais longo de internação e visando garantir ao indivíduo todos os cuidados necessários com o conforto e bem-estar de seu próprio lar e convívio com familiares.

Já há anos, a desospitalização passou a fazer parte dos cuidados da saúde como um todo, visto a necessidade de evitar que pacientes virassem “moradores” dos hospitais, o que não apenas tem um gravíssimo impacto em sua qualidade de vida como também onera os custos hospitalares e dificulta a gestão de leitos.

Portanto, a desospitalização é um processo que visa trazer benefícios tanto para o paciente quanto para a instituição médico-hospitalar.

Por que é importante desospitalizar?

Existem diversos aspectos que tornam a desospitalização um processo importantíssimo, como por exemplo:

  • Aumento da população idosa

Com o passar dos anos cada vez mais o número de idosos cresce no Brasil. Tendo em vista esse cenário, é preciso lembrar que, com o aumento da longevidade, cresce também o número de doenças crônicas e sua permanência, o que pode causar, a longo prazo, uma demanda altíssima dos serviços de saúde, tornando a desospitalização uma opção ainda mais relevante.

  • Aumento dos custos com assistência à saúde

Com o aumento da idade da população, cresce também a demanda por serviços de saúde, o que faz com que os gastos no setor sejam cada vez maiores. Assim, investir em processos que contribuam com a diminuição desses custos também deve ser uma prioridade. Com a desospitalização os custos de internação podem ser otimizados, o que contribui com a economia da instituição.

  • Prevalência de doenças crônicas

Atualmente existe uma prevalência de doenças crônicas que representa um grave problema de saúde pública no Brasil. Tais doenças exigem um acompanhamento contínuo, mas não necessariamente em ambiente hospitalar. Assim, mais uma vez a desospitalização é uma ótima opção, garantindo que o paciente com doença crônica receba os cuidados necessários a longo prazo sem precisar estar no hospital permanentemente.

Quais são os benefícios da desospitalização?

Esse processo tem benefícios para a saúde do paciente e para a instituição médico-hospitalar como um todo.

  1. Diminuição do risco de contração de infecções hospitalares, pois o paciente não estará frequentemente exposto aos microrganismos nocivos geralmente muito presentes em ambientes hospitalares;
  2. Otimização e liberação da ocupação de leitos no hospital, garantindo que pacientes que precisam de cuidados constantes possam ser internados para ficar sob supervisão médica integral;
  3. Contribui com a diminuição dos custos do tratamento, tanto para os pacientes quanto para as operadoras;
  4. Garante um tratamento contínuo saudável tanto para o corpo, quanto para a mente, pois o paciente não precisa se isolar socialmente de amigos e familiares, aumentando a sensação de bem-estar e segurança.

Distribuído porBetterDocs