JÚPITER_LOGO

O que é:

“Pé Diabético” é o termo utilizado para designar qualquer infecção, ulceração ou destruição de tecidos que esteja associada a uma anormalidade neurológica em pessoas com Diabetes Mellitus (DM).

Causas para o desenvolvimento:

A Diabetes Mellitus (DM) provoca anormalidades de origem neurológica e vascular que podem causar diferentes distorções na anatomia óssea e fisiologia dos pés e, tais distorções, fazem com que surjam pontos de pressão, ao mesmo tempo em que ocorre o ressecamento da pele, prejudicando a elasticidade, e a diminuição da circulação no local, o que dificulta a cicatrização a tornando mais lenta e ineficaz, e esse conjunto de características aumenta os ricos de desenvolvimento de úlceras nos pés.

Classificação:

O Pé Diabético pode ser classificado, de acordo com sua etiologia, em:

  • Neuropático

Caracterizadas pela perda progressiva da sensibilidade, as úlceras neuropáticas têm como sintomas a sensação de queimação e o formigamento, e normalmente são causadas pela combinação de fatores como o uso de calçados inadequados e o aumento da pressão plantar.

  • Vascular

Também conhecida como úlcera isquêmica, suas características incluem o pé pálido, frio e com atrofia da musculatura, além disso, também é comum que haja dor caso o membro seja elevado.

  • Misto

Esse tipo de úlcera é uma combinação entre a vascular e a neuropática, e tem uma prevalência de cerca de 34%.

Sintomas:

Entre os principais sintomas do Pé Diabético, podemos citar:

  • Formigamento;
  • Perda da sensibilidade local;
  • Dores;
  • Dormência
  • Queimação nos pés e nas pernas;
  • Sensação de agulhadas ou pontadas;
  • Cãibras;
  • Ressecamento e fissuras;
  • Inchaço;
  • Alteração nas unhas;
  • Fraqueza nas pernas.
Produtos que podem ajudar:

  • Molnlycke Exufiber Ag+
  • MEPILEX AG
  • MEPILEX BORDER FLEX
  • MEPILEX LITE
  • CURATIVO MEPILEX TRANSFER
  • MEPILEX TRANSFER AG
  • MEPILEX

Distribuído porBetterDocs